domingo, 16 de novembro de 2014

DESVELO



Imagem do Google



Dormes serena ao meu lado

Repousa a tua nudez
satisfação de penumbra
na plenitude corpórea
da densidade das formas 
nesta paz de sermos dois
numa só alma de luz

Dormes serena ao meu lado

Meu horizonte de espanto
meu silêncio sublime
meu desvelo absoluto
rio por ora liberto
meu desvario impoluto
mar amor fonte de vida
connosco fica o segredo
de te saber renascida

Dorme serena ao meu lado

2 comentários:

  1. Um belo canto à musa, que invade as noites e flutua sobre as ondas de um mar amigo, que inspira e alivia com sua brisa.
    Um show amigo.

    ResponderEliminar